Como fazer o controle da cadeia de uso de combustíveis?

controle-de-combustiveis
4 minutos para ler

Ter um bom controle da cadeia de uso de combustíveis é fundamental para todo gestor de frotas. Afinal, os custos com esse material consomem boa parte do orçamento e o desperdício não é uma opção. Mas você sabe como implementar isso em sua empresa?

Ao longo deste texto, vamos mostrar algumas opções de como controlar a cadeia de uso de combustíveis e citar algumas das vantagens em se fazer isso. Continue com a leitura e não perca!

Por que é importante realizar o controle de combustível e quais são as vantagens?

Como bom gestor de frotas que é, você já deve ter perdido boas horas de sono imaginando o porquê de gastar tanto com combustível e o que fazer para minimizar isso. O controle do uso desse insumo é fundamental não só para aumentar a eficiência da frota, mas para identificar e corrigir maus hábitos na hora de abastecer.

Por meio desse controle, você consegue identificar, por exemplo, qual veículo gasta mais, se o problema é mecânico, por má condução ou até mesmo por um desvio de conduta do motorista. Porém, existem muitas outras vantagens, sendo elas:

  • redução nos custos;
  • aumento da competitividade;
  • aumento da produtividade;
  • facilidade na definição de qual combustível é mais vantajoso.

De que formas implementar o controle da cadeia de uso de combustíveis na empresa?

Agora que você já sabe alguns dos motivos por que implementar o controle da cadeia de uso de combustíveis, deve estar se perguntando como fazer isso, não é verdade? Existem várias formas e, algumas, embora bastante restritas, não custam nada. Vamos conhecer as principais? 

Utilize planilhas para ter noção dos custos e onde estão os maiores problemas

Essa talvez seja uma das maneiras mais simples de gerenciar uma empresa e, para fazer o controle do combustível, ela também é eficiente. Embora não seja o método mais completo, as planilhas eletrônicas são uma boa opção, principalmente pelo seu custo de implementação, que pode ser zero.

Powered by Rock Convert

Contudo, é preciso saber como criar uma planilha e interpretá-la muito bem para obter os melhores resultados. Quer uma ótima notícia? Há pouco tempo publicamos um texto que fala exatamente sobre isso. Não deixe de dar uma conferida após a leitura!

Use um sistema moderno de gerenciamento

O mais indicado é um sistema específico para o gerenciamento da cadeia de uso de combustíveis, como o oferecido pela CTF. O CTF Abastecimento registra automaticamente itens como valor do combustível, quilometragem percorrida, quantidade usada e muito mais, evitando extravios e desperdícios.

Além disso, você tem a certeza de que o veículo realmente está sendo abastecido no posto correto e que o valor pago foi usado somente em combustível, entre outras vantagens. Um bom sistema para gestão é fundamental, não somente no que diz respeito ao abastecimento, mas para todas as tarefas da empresa.

Aposte no uso de um cartão de abastecimento

Para aprimorar essa experiência e ter mais controle, utilize um cartão combustível, como o CTF-BR Frota. Com ele, você encontra preços diferenciados, estabelece cotas e parametriza quando e como o cartão pode ser usado, entre outros. Além disso, por meio de um aplicativo, é possível verificar toda a rede credenciada, ter os dados do abastecimento em tempo real e muito mais.

Como você viu, o controle da cadeia de uso de combustíveis é fundamental para evitar desperdícios e reduzir os custos operacionais, além de otimizar os processos de abastecimento. Existem várias opções de como implementar tal sistema, basta escolher o que mais atende às suas expectativas e colocar em prática.

Acesse o site da CTF, conheça um pouco mais sobre a nossa empresa e algumas ferramentas que vão ajudar bastante a gerir o seu negócio e reduzir custos!

Você também pode gostar

Deixe um comentário