Saiba como otimizar o controle de combustível na indústria

controle de combustível na indústria
4 minutos para ler

O gerenciamento de transportes é um dos grandes desafios das indústrias e um dos principais fatores que contribuem para essa realidade é o consumo de combustível. É fundamental contar com uma logística eficiente que assegure que não haverá excesso de gastos relacionados à manutenção da frota e ao controle de combustível.

Sendo as frotas próprias ou terceirizadas, controlar o combustível consumido pelos caminhões pode se transformar em um problema complexo. Até os mais experientes administradores podem se sentir incapazes de encontrar uma solução adequada. Neste artigo, mostraremos de que forma é possível otimizar o controle de combustível na indústria!

O que é o controle de combustível na indústria?

Em uma época em que o valor do combustível aumenta sempre, os cuidados com o seu consumo precisam ser maiores. É nesse contexto que se fala em controle de abastecimento. Os custos com combustível estão entre os maiores gastos operacionais das indústrias.

Alguns veículos são chamados de “flex”, significando que podem funcionar com mais de um tipo de combustível. Embora, o preço de cada combustível possa ser um diferencial a considerar, o desempenho de cada um varia, variando consequentemente os rendimentos entre eles.

Assim, torna-se necessário analisar qual combustível oferece o melhor custo-benefício, isto é, qual oferece o menor custo para cada quilômetro percorrido. Uma dica é que, geralmente, vale abastecer com álcool quando o litro está custando menos de 70% do litro da gasolina.

Por que ele é tão importante?

Conhecer o quanto é gasto com abastecimento é um dos motivos pelos quais é preciso fazer o controle de combustível na indústria. Em qualquer negócio, é fundamental monitorar todas as despesas, seja a compra de matéria-prima, seja a gasolina que alimenta a frota, pois somente desse jeito o gestor conseguirá analisar diferentes indicadores e efetuar adequações, estimulando a produtividade e a experiência da operação.

Como é possível otimizá-lo?

Existem diferentes maneiras de efetivar o controle de combustível na indústria. A logística integrada, que é uma das bases da logística 4.0 (fundamentada na tecnologia e na automação dos processos), contribui para manter um monitoramento mais eficiente sobre o que é gasto em diferentes operações, inclusive no transporte.

Powered by Rock Convert

Com a ajuda de um sistema de gestão, que integre setores e centralize informações, é possível consultar relatórios sobre o consumo de combustível, podendo estimar os consumos futuros, planejando o orçamento e preparando recursos para os meses seguintes.

É importante monitorar o comportamento dos motoristas, pois ações erradas podem aumentar até quase 40% do consumo do combustível (o excesso de velocidade, o motor ligado enquanto o caminhão está parado, as aceleradas e frenagens bruscas, a utilização errada das marchas).

A resistência de rolamento dos pneus influencia decisivamente no consumo de combustível. Se a resistência é menor, o consumo também é. Por isso, quinzenalmente, o motorista deve calibrar os pneus com a pressão indicada pelo fabricante. Mas, se as rodovias usualmente percorridas são de má qualidade, a calibragem precisa ser feita toda semana. Pressão 10% inferior ao recomendado faz com que os pneus consumam de 6% a 10% mais combustível. Rodas desalinhadas também geram resistência elevada ao rolamento, provocando um consumo mais alto.

Enfim, a manutenção preventiva da frota é fundamental para garantir que os veículos estejam em perfeitas condições de viajar e não exigirão um abastecimento maior que o programado.

Como o CTF Indústria pode ajudar você?

O CTF Indústria é a solução completa de gestão de abastecimento para controle automatizado de toda a cadeia de utilização de combustíveis de uma indústria. Entre as suas características, podemos destacar:

  • a coleta de dados sem interferência humana;
  • a segurança e a prevenção contra fraudes;
  • o monitoramento online das operações;
  • a garantia da presença dos equipamentos e veículos nos postos de abastecimento;
  • o maior controle sobre a manutenção dos equipamentos;
  • a integração entre o controle físico e contábil do combustível;
  • a gestão de estoque de combustível;
  • a disponibilização de profissionais para atendimento personalizado.

O controle de combustível na indústria é fundamental para assegurar uma gestão eficiente e precisa de suporte tecnológico para garantir resultados ainda mais satisfatórios!

O que achou das vantagens do CTF Indústria? Para mais informações, entre em contato com a empresa!

Você também pode gostar

Deixe um comentário