Ainda não adotou a gestão de pneus? Saiba por que ela é essencial!

gestão de pneus: homem trocando pneu de caminhão
6 minutos para ler

Fazer uma boa gestão de pneus é fundamental para evitar prejuízos, aumentar a segurança nas estradas e, consequentemente, manter uma empresa de logística competitiva. Mas, afinal, o que será que esse termo realmente significa? Quais são os impactos de adotar essa prática e, principalmente, como fazê-lo?

A partir da leitura deste conteúdo, você conhecerá o conceito de gestão de pneus, verá quais são os seus benefícios e entenderá por que é interessante adotar essa prática na sua empresa. Confira!

O que é e qual a importância da gestão de pneus?

Os pneus são ativos de uma empresa e precisam ser gerenciados como qualquer outro.

A gestão de pneus é o termo usado para nos referirmos à ação de controlar tudo o que diz respeito a esse componente, tais como:

  • qual o período ideal para realizar o rodízio;
  • quando trocar ou reformar;
  • quais práticas adotar para não acelerar o desgaste etc.

Essa gestão é fundamental não somente para manter os veículos da frota em ordem, mas para detectar a origem de muitos problemas e gastos desnecessários de forma eficaz.

Isso ajuda a evitar prejuízos e mantém a empresa ativa. As frotas mais modernas rastreiam os custos de cada pneu pela posição da roda para garantir que eles tirem o máximo valor de seu investimento. Isso indica o quão valiosa é a atenção adequada à compra e manutenção de pneus.

Os benefícios de uma boa gestão são muitos, mas, devemos dizer: alguns deles são de extrema importância para a saúde financeira de qualquer negócio. Vamos conhecê-los?

Quais são os benefícios da gestão de pneus?

Todos os benefícios obtidos com a gestão de pneus podem ser resumidos em uma única palavra — inclusive muito bem-vinda: economizar.

De fato, uma das melhores formas de manter uma empresa financeiramente saudável é evitar prejuízos, detectar falhas e corrigi-las o quanto antes.

Por isso, separamos algumas vantagens que vão fazer você tirar de vez a sua dúvida sobre a importância da gestão de pneus. Vamos lá?

1. Redução de custos

Os pneus que são mantidos adequadamente ajudarão o veículo a operar com mais eficiência e prolongarão sua vida útil. Com a manutenção adequada, você consegue fazer uma economia de combustível que pode chegar a alguns tanques a cada ano.

Devido ao fato de os pneus durarem mais, você também pode economizar o custo de um ou dois conjuntos de pneus ao longo da vida útil média de um caminhão. Multiplique isso pela sua frota e a economia é ainda melhor.

2. Maior segurança

Os pneus são projetados para um desempenho seguro. Para que funcionem adequadamente de acordo com as especificações do fabricante, eles precisam de manutenção regular.

Pneus insuflados incorretamente causam problemas de manuseio. Pneus em mau estado podem fazer com que o veículo não acelere, freie ou responda adequadamente.

3. Prevenção de danos à viagem

Ao fazer o gerenciamento adequado dos pneus é possível fazer substituições antes que eles apresentem avarias graves.

Powered by Rock Convert

Dessa forma, você consegue evitar imprevistos na viagem que podem acarretar em acidentes ou que forcem o caminhão a ficar parado atrasando entregas e gerando prejuízo.

4. Diminuição do tempo gasto com consertos

O funcionamento apropriado dos pneus interfere em todo o funcionamento de um veículo. Amortecedores, molas e peças de direção são afetados diretamente pelo seu estado e uso.

O simples fato de manter a calibragem ideal dos pneus afeta diretamente o desgaste dessas peças, além de aumentar a vida útil de todos eles.

Além disso, caminhão parado muito tempo em consertos é mais um fator que impacta negativamente no faturamento da empresa.

5. Economia de gastos com reboque

Com a manutenção regular dos pneus é menos improvável que eles darão problemas inesperados durante uma viagem, e com isso será mais difícil que o caminhão precise ser rebocado.

Outro benefício importante na gestão de pneus é o controle de desempenho, isso significa: obter dados e estudá-los, entendendo quais ações são vantajosas ou não, e onde estão os maiores gastos.

Fazendo esse monitoramento individualmente, ou seja, para cada veículo, também é possível elaborar, com mais precisão, onde e como os recursos financeiros serão distribuídos.

Como você pode notar, a gestão de pneus tem um papel maior nas contas da empresa no final do mês do que se imagina, por isso é importante saber gerenciar adequadamente esse componente.

Como fazer a gestão de forma eficiente?

A tecnologia avançou nos últimos anos a ponto de haver muitos recursos para ajudar no gerenciamento de pneus.

Programas de software, sistemas de monitoramento de pressão e muito mais podem facilitar o rastreamento, manutenção e análise de pneus.

Entretanto, mesmo que você não seja capaz de adquirir a tecnologia agora isso não quer dizer que não pode ter algum tipo de programa de controle de pneus. O sistema de gerenciamento de pneus de uma frota ainda pode ser feito com lápis, papel e um medidor de pneus.

Um bom programa de gerenciamento inclui rastreamento do berço ao túmulo, análise, manutenção preventiva e muito mais. O programa de gerenciamento de pneus de uma frota deve ser escrito, comunicado, monitorado e aplicado.

Vamos a alguns passos para uma gestão de pneus eficiente.

  • Escolher com sabedoria: Um passo importante em qualquer programa de gestão de pneus é selecionar os melhores pneus para os veículos. As frotas precisam avaliar seus caminhões e rotas para determinar o tipo de aplicação, o clima e as condições que terão que enfrentar durante a maior parte do tempo de vida.
  • Ficar atento à calibragem: A manutenção da calibragem dos pneus é a primeira coisa que as frotas devem ter ao desenvolver um programa de gestão. Um programa deve incluir verificações periódicas da pressão do ar, manômetros calibrados, um manômetro mestre e funcionários aptos a fazer essas verificações.

Além desses passos simples, é fundamental manter o controle da frota para que a equipe de trabalho seja bem treinada e consiga reduzir práticas inadequadas durante a condução dos caminhões.

Implementar uma boa gestão de pneus não é uma tarefa tão complicada, mas, como você viu, ela é primordial. Por isso, faça inspeções regulares, mantenha um histórico de cada veículo e considere a reforma das peças, afinal, é possível economizar mantendo a segurança.

Quer receber mais informações relevantes? Então, siga as nossas redes sociais! Estamos no Facebook e LinkedIn!

Você também pode gostar

Deixe um comentário