Tacógrafo digital: separamos 5 vantagens que você precisa conhecer!

tacógrafo digital
4 minutos para ler

Tempo, distância e velocidade: essas sempre foram as grandezas observadas pelos tacógrafos. Mas, assim como tudo que está sujeito ao avanço tecnológico, esses dispositivos também evoluíram. Por esse motivo, elaboramos este texto especial sobre o tacógrafo digital.

Para frisar o salto de uma geração para a outra, compilamos neste artigo as principais curiosidades no assunto, explicando o que levou à substituição dos modelos analógicos e listando todas as vantagens da solução digital. Portanto, acomode-se na cadeira e descubra mais sobre o tema!

A substituição dos tacógrafos analógicos para os digitais

Os tacógrafos são para os caminhões o mesmo que as caixas-pretas são para as aeronaves: uma central de registro da condução, que mantém um histórico de velocidades, tempos e distâncias alcançadas. Por conta disso, a principal funcionalidade do dispositivo é facilitar a fiscalização de um motorista, seja pelo gestor da frota, seja pelos agentes policiais.

Com o tempo, o mercado de caminhões foi se rejuvenescendo, com novas gerações, linhas e modelos que introduziam modernidade ao cotidiano das frotas. Nesse sentido, quem inaugurou e popularizou os tacógrafos digitais não foram os consumidores, mas sim as montadoras, que passaram a equipar os seus caminhões com as versões mais sofisticadas.

As 5 principais vantagens do tacógrafo digital

Ainda que não seja uma unanimidade no mercado brasileiro, atualmente, boa parte dos modelos comercializados já vem equipada com a solução digital. O único porém fica por conta da idade média da frota nacional (acima de 15 anos), que muito provavelmente é equipada com a versão analógica. Mas, para todos os casos, quais são as vantagens da nova geração? Descubra isso agora!

1. Padronização

Além da automatização e eficácia no recolhimento dos dados, os tacógrafos digitais respeitam um padrão universal, tanto para emitir a nota como na organização dessas informações. Com isso, quem fiscaliza tem maior facilidade para identificar alguma irregularidade, sem se deparar com diferenças entre caminhões de marcas e modelos distintos.

Powered by Rock Convert

2. Segurança

Essa é uma vantagem dupla, representando tanto a segurança eletrônica quanto rodoviária. No primeiro caso, falamos da proteção adicional que um dispositivo digital adiciona sobre as informações, eliminando suspeitas de fraude e dificultando a manipulação desses dados.

Já a segurança rodoviária é uma vantagem derivada da primeira. Como não é possível adulterar as informações registradas, os condutores são estimulados a cumprir as suas jornadas de trabalho da maneira adequada, respeitando os períodos de descanso, sem colocar terceiros em risco.

3. Economia

Por conta da maior confiabilidade dos tacógrafos digitais, é possível que a frota perceba uma redução de custos no longo prazo, principalmente no processo de defesa em um pedido de indenização de seguro, utilizando o equipamento para reforçar a inocência do motorista. Tacógrafos analógicos não têm o mesmo peso e podem inclusive dificultar o sucesso da defesa na justiça.

4. Integração

Em inúmeras oportunidades, falamos sobre a importância do monitoramento veicular nas frotas modernas. Os tacógrafos digitais operam como uma dessas ferramentas, e também podem se integrar a outras plataformas de vigilância do veículo, como rastreadores, sensores e afins. Além disso, a integração é um dos critérios de base para implementar a logística 4.0 no seu negócio.

5. Acessibilidade

Basicamente, a versão digital é mais fácil de usar. Inclusive, essa era uma reclamação persistente no segmento, já que o modelo analógico contava com uma interface de leitura bastante defasada. Na nova geração, tudo é feito digitalmente e, quando você precisa do relatório, basta alguns cliques para imprimir a nota com o histórico da condução.

Por fim, também vale lembrar da capacidade vigilante desse dispositivo. Em um caminhão equipado com essa tecnologia, o motorista sentirá maior pressão para agir dentro da legalidade, pois sabe que qualquer transgressão, como excesso de velocidade ou queda de produtividade, será facilmente identificada e convertida em uma punição administrativa.

Gostou deste artigo explicando o funcionamento e as vantagens do tacógrafo digital? Então, aproveite o nosso convite para se manter antenado em mais componentes importantes para o cotidiano das frotas. Para isso, siga e acompanhe as nossas páginas nas redes sociais: estamos no Facebook e no LinkedIn!

Você também pode gostar

Deixe um comentário